19/03/2012

GUANIDINA ? EU TAMBÉM NÃO GOSTO !!!



Eu também não gosto de Guanidina, recebo e-mails de pessoas com cabelos detonados que aplicam ou aplicaram, e achei esse texto abaixo maravilhosoooo...e prá lá de verídicooo... Por tal razão irei postar, e se não gostar, sinto muito...Eu ameiii...!


EU NÃO GOSTO DE GUANIDINA !

Meu ódio pessoal contra a danada da guanidina começou em 2006, quando eu tive a infelicidade de uma cabeleireira aplicar a maldita nas minhas madeixas. E olha que a guanidina utilizada era de uma marca profissional “conhecida”, mesmo assim o cabelo ficou uma bela vassourinha!!!


Vamos recapitular… Em 2006 eu não era profissional da área e após o nascimento do meu filho, tinha feito X TENSO (tioglicolato) nos meus cabelos. O X TENSO deixava um efeito incrível, quando eu não escovava ficava um ondulado lindo e quando fazia escova, alcançava um belo liso. Eu estava em Manaus e freqüentava o salão da Mary. Fazia os tratamentos e ainda comprava produtos da L’Oréal com ela.

Até que fui fazer o retoque de raiz, que raiva dá de lembrar. A Mary veio me dizer que ia usar um outro produto, porque o kit do X TENSO estava saindo caro para ela. Em resumo, ela queria lucrar mais sem se importar em deixar o cabelo alheio uma bucha. Mas na época eu confiei nela e deu no que deu.


Ela fez tudo direitinho, protegeu a parte do meu cabelo que já tinha química, e aplicou o produto somente na raiz crescida. Como ela foi cuidadosa na aplicação, não ouve quebra, porém eu pude sentir a diferença na qualidade, na textura, no toque e no brilho, da raiz retocada com a guanidina do restante do cabelo. Hahaha, a situação era bizarra, eu tinha uns quatro dedos, desde a raiz, feiacos e duros, com aquele aspecto vassoura esticada (guanidina) e o meio para as pontas mais naturais e com balanço (restos do tioglicolato).

Foi um tempo difícil aquele…


Pulemos para 2009, eu já fazendo o curso de hairstylist, em uma jornada só sobre transformação e alisamento que durou semanas, um grande amigo que já estava na profissão há tempos, me fala que tinha uma impressão ruim com o cabelo quando usava guanidina, achava duro, áspero… Pois eu achava a mesma coisa!!!

Agora estou aqui na Guiana, e só se acha produtos (americanos) a base de guanidina nas lojas de cosméticos. Nunca vi um produto de tioglicolato ou outros ativos. Só caixinhas de kits de guanidina. Nas lojas profissionais, grandes kits profissionais de GUANIDINA… Coincidência ou não, na rua e no dia a dia, nunca vi como tenho visto aqui, tantos cabelos alisados tão feios… Duros, sem brilho, madeixas com cara de “sofridas”…

Matei a charada: Guanidina!!!


Aí fui pesquisar no Orkut, e pelo que entendi:

“As vezes não é logo, mas a verdade é que a guanidina detona, logo no mês seguinte percebe-se o ressecado intenso da guanidina e nenhum brilho.

Pior são os profissionais (ao longo da vida conheci alguns) que se gabavam de só usar guanidina nas clientes, pois a guanidina vai prender a cliente em queratinas, hidratações e muitos outros tratamentos e ainda prende na escova pois ela precisa da finalização de escova e prancha…

Parece claramente que a guanidina só veio para dar lucro aos salões.

A guanidina precisa de uma manutenção, intensa, rigorosa e cara e os salões e o bolso dos donos de salão agradecem a industria e as marcas que fabricam guanidinas pois lucram com mil e um tratamentos para desembuchar o cabelo detonado pela guanidina (para o cabelo ficar “razoável”).

Mas pensando bem, será que lucra tanto assim??

No final das contas a guanidina danifica tanto e prende a cliente em tantos tratamentos que a principio ela se dispõe a fazer todos os tratamentos… Depois ela começa a achar que o defeito é do produto/marca e por ultimo começa a achar que o defeito é do cabeleireiro… Então ela simplesmente muda de cabeleireiro ou de salão…


A cliente de guanidina é uma eterna peregrina, fica um tempo com um, depois com o vizinho e com outro e outro e sai numa peregrinação em busca de resultados que jamais ela verá e vai falar mal de todos os cabeleireiros salões e as marcas que ela já viu…Porque o problema não está nem nos tratamentos que costumam ser muito bons…O problema está na guanidina sempre, por mais que seja daquela marca que eu amo, não gosto de nenhuma!


Mas em contrapartida guanidina gera a indústria os tratamentos infindáveis e o comércio agradece e fala bem da guanidina, pois sem ela os tratamentos seriam dispensáveis em muitos casos…É um ciclo vicioso, um depende do outro.

(Desabafo de Hairstylist)

É mole?

Agora eu me pergunto, com tanto produto bom com outros ativos, tantas novidades, pra que passar (ou deixar alguém passar) essa “neura” no seu cabelo?

Se tentarem te convencer que seu cabelo “é muito crespo”, e por isso tem que relaxar com guanidina, diga que vai pensar… E não volte!

Cabelo muito crespo? Nada que um tioglicolato na força super não resolva, seguido de uma marroquina limpa (permitida), fica uma maravilha. Até um hidróxido de sódio, nas mãos de uma profissional experiente, dá resultados superiores!

Nossa, e tem tantos ativos novos hoje em dia, que não deixam esse aspecto sofrível nas madeixas.

Bom, essa é uma opinião pessoal de uma profissional, cada um tem a sua, mas eu não fecho com "guanidinanão".
 

Fonte: Palavra de Cabelereira http://www.palavradecabeleireira.com/2011/03/eu-gosto-guanidina/

OBSERVAÇÃO: Parabéns Ericka Eli ! Amo pessoas que jogam as verdades no ventilador !