04/10/2011

ESCOVA: OS PRINCÍPIOS ATIVOS


Há duas maneiras de se alisar os cabelos: numa delas, abre-se a cutícula do fio e desestrutura-se a queratina que dá a forma aos cabelos, deixando-os mais lisos. O Formol, a Guanidina, a Etalonamina e a Amônia agem nessa desestruturação.

A outra opção é aumentar o peso molecular dos cabelos, o que resulta em fios mais pesados e, conseqüentemente, mais lisos. Nesse caso, os aminoácidos, polímeros de silicone, a saponaria molina  fazem o serviço, sem alterar a estrutura das madeixas.

Os ativos são diversos e os resultados idem. Para cada tipo de cabelo, há um mais indicado.

Agente: Guanidina
Indicação: Cabelos virgens, que já tenham sido alisados com essa base, crespos, afro e com fios grossos.
Duração: De 2 a 3 meses

Agente: Photon Hair Uom
Indicação: Cabelos virgens, que já tenham sido alisados com essa base, não muito ondulados e fios médios e finos
Duração: Cerca de 6 meses

Agente: Formol (porcentagem de, no máximo, 0,2%)
Indicação: Todos os tipos de cabelo
Duração: De 2 a 3 meses

Agente: Tioglicolato de amônia
Indicação: Cabelos virgens, que já tenham sido alisados com essa base, com fios médios e finos
Duração: De 3 a 6 meses

Agente: Etalonamina
Indicação: Cabelos descoloridos, tingidos, que já tenham recebido alisamento com essa base, crespos e com fios grossos
Duração: De 3 a 6 meses

Agente: Saponaria molina
Indicação: Todos os tipos de cabelo
Duração: No máximo 2 semanas

Agente: Aminoácidos (morango, leite, etc.)
Indicação: Cabelos descoloridos, tingidos, que já tenham sido alisados com essa base, fios ondulados e crespos
Duração: De 2 a 3 meses

Agente: Polímeros de silicone
Indicação: Todos os tipos de cabelo, principalmente os sensíveis, volumosos e de difícil penteabilidade
Duração: De 2 a 3 meses

Agente: Hidróxido de sódio
Indicação: Cabelos virgens, que já tenham passado por alisamento com essa base, crespos e afro
Duração: De 2 a 3 meses


Vale lembrar que um mesmo princípio ativo pode tanto alisar um cabelo cacheado quanto apenas retirar o volume dos cachos. "O que muda é a concentração do produto, o tempo de aplicação e o modo como procedemos", explica o cabeleireiro Roberto Falloni, do Salão Absolute, em São Paulo.

Ou seja, você tem opção de escolher a intensidade do agente a ser usado no tratamento
- forte (alisa), médio (relaxa) e suave (amacia) - e a forma como ele será aplicado nos fios.

"Quanto mais finas as mechas trabalhadas, mais lisos os cabelos e vice-versa", completa.

Também há a possibilidade de se aplicar o produto apenas nas pontas das madeixas ou mesmo só na franja.

Obs: A estrutura dos fios e todo o seu currículo de vida capilar é o que mais conta na hora de escolher o Ativo.