14/03/2010

HENÊ DA AMAZÔNIA E TANTOS OUTROS...

O henê é um tipo de alisante usado geralmente em cabelos cacheados, encaracolados ou crespos.

Algumas pessoas optaram pelo henê por ele alisar e tingir os cabelos ao mesmo tempo e também pelo seu baixo preço.

O uso de henê geralmente é feito em casa pelas próprias consumidoras alguns pedem um aquecimento prévio do produto ou os que só misturam e está pronto.

Os henes que só misturam, como o da Amazônia e outros, é que estão em alta.

Muito diferente dos outros alisantes sintéticos que agem internamente nos fios capilares, o henê age externamente criando uma “capa” química que impede o uso posterior de outro alisante. Os efeitos da aplicação de henê só começam a dar efeito nos cabelos após a quarta aplicação.

Algumas marcas de henê já estão adicionando queratina à composição da fórmula.
Lembre-se que o henê é um alisante incompatível com outras substâncias alisadoras, entre elas a guanidina e o tioglicolato de amônia.

Caso queira trocar de produto alisante o ideal é esperar o crescimento do cabelo deixando a raiz totalmente virgem e ir passando o outro alisante só na parte virgem mas é ainda um risco que corre por ser um produto que age na camada externa do fio os cabelos podendo danificar na hora da retirada por isso o bom é procurar um profissional especializado.

Uma velha frase dita uma vez é toda a verdade sobre henê para retirá-lo só cortando os cabelos.

A verdade tem que ser dita o uso do henê requer bastante cautela. Ele tem a vantagem de alisar e colorir ao mesmo tempo, mas contém metais pesados, como chumbo, o que o torna incompatível com os demais processos químicos.

O henê oferece riscos ao cabelo ele é totalmente incompatível com qualquer tipo de química. Misturados a outros ativos, provoca queda.
A fórmula contém um alto teor de sais metálicos e, com o tempo, o cabelo pode ficar quebradiço.

Mas encontramos cabelos lisinhos, lindos, maravilhosos e bem tratados com o uso do henê!