25/02/10

DEFRISAGEM

Defrisagem, uma nova técnica que está fazendo a cabeça de muitas mulheres e artistas da televisão, e é ideal para quem gosta dos cachos, mas gostaria que eles fossem mais soltos, ou sonha com cabelos mais lisos, mas de uma forma mais natural.

Trata-se de uma técnica francesa, que alisa os fios naturalmente e deixa o cabelo bem tratado, sem deixar o cabelo ressecado ou esticadão. O cabelo fica naturalmente liso com o tratamento, explica Tiago Parente, consultor capilar do Fashion Clinic.

O alisamento é feito à base de queratina, que trata dos fios, deixando-os macios e sedosos. É indicado tanto para cabelos ondulados, crespos e com fios rebeldes, quanto para cabelos finos, delicados e volumosos. A grande novidade é que a defrisagem não usa soda cáustica, o principal agente químico no processo de alisamento, que apesar de alisar, resseca o cabelo e pode até provocar a queda dos fios, se a pessoa não fizer uma série de hidratações após o alisamento.

O melhor da defrisagem é que não deixa aquele efeito "esticadão" dos alisamentos comuns. Depois de algumas sessões de defrisagem, hoje a atriz Juliana Paes já nem se lembra do volume e dos cachos rebeldes que possuía.

A nova técnica permite que a pessoa use todo o tipo de tinturas, reflexos e balayage, desde que passe um período de três meses sem nenhum outro tipo de alisamento ou produto químico.

"A tinta e o descolorante podem ser aplicados uma semana após a defrisagem. O ideal é fazer uma hidratação à base de queratina logo após a química, para fortalecer totalmente os cabelos devolvendo a umidade e a elasticidade".

Com o tempo, a pessoa vai perdendo os cachos, que ficam mais soltos e sedosos, e diminui o volume do cabelo.