25/10/2009

TINTURA DE CABELO E ESCOVA PROGRESSIVA

Cabelos alisados e tingidos é possível?
Sim,mas com certos cuidados porque alguns ativos alisantes reagem com a tintura,podem quebrar e até causar a queda total ou parcial dos cabelos.
Antes de se decidir por um alisamento, pergunte qual é seu componente químico sempre assim você já evita mistura de produtos incompatíveis!

Saiba agora quais são eles e quais permitem misturas a tintura dos cabelos :

TIOGLICOLATO DE AMÔNIA

É o ativo mais compatível com tinturas – vai até com cabelos descoloridos. “Algumas marcas têm versões específicas para fios coloridos e artificialmente loiros”, diz Adriane técnica em colorometria e alisamento de cabelos. Dez dias depois do alisamento, pode-se aplicar qualquer tintura. E, após 20 dias, dá para clarear com água oxigenada de 20 volumes.

HENÊ

Esse componente alisa e tinge os fios ao mesmo tempo, de castanho ou preto. Porém, não combina com qualquer outro tipo de química.

GUANIDINA

“Pode ser associada a algumas tinturas e tonalizantes sem amônia. Para descolorir, só com oxidante de até 20 volumes”, alerta Adriane. Na dúvida, confira na embalagem da coloração se o produto é compatível com o ativo.

HIDRÓXIDO DE SÓDIO

Suporta tonalizantes e misturas com água oxigenada de, no máximo, 10 volumes (dependendo da estrutura dos cabelos).

PROGRESSIVA SEM QUÍMICA

Como o nome diz, não tem química e dá um aspecto liso aos fios graças à queratina e às outras proteínas na fórmula. A escolha perfeita para quem usa descolorantes de mais de 30 volumes.

FORMOL

Apesar de proibida pela Anvisa em concentrações altas – por causar sérios danos à saúde, a escova progressiva com formol ainda é muito usada por ser compatível com qualquer química.